PLANETA SUSTENTÁVEL

ENCONTRAR OS LIVROS DE WAGNER LUIZ MARQUES - DIGITANDO O NOME DE "WAGNER LUIZ MARQUES"


Pesquisar todo o texto de nossos livros

EDITORA QUANTUM – TREINAMENTOS

Editora Quantum 480 x 60

INVESTE MAIS – A REVISTA DO INVESTIDOR

Amostra Grátis 480 x 60 - www.revistainvestmais.com.br

REVISTA LIDERANÇA

Amostra Grátis 480 x 60  - www.lideraonline.com.br

REVISTA VENDA MAIS

Amostra Grátis 480 x 60 - www.vendamais.com.br

segunda-feira, 17 de março de 2014

LUCRO OPERACIONAL

CONTABILIDADE NOÇÕES PARA O CONHECIMENTO
Parte I

Conhecendo a contabilidade é um dos pontos cruciais para evoluir a vida educativa através das interpretações econômicas, jurídicas e administrativas das organizações.

Muitos profissionais da área conhecem muito de contabilidade, mas esbarra em ações que muitas vezes são simples e torna-se difíceis de serem entendidas.

Na conversa de hoje estaremos falando:

·         Lucro Operacional

Observe e tome suas decisões de acordo com a sua necessidade.

De acordo com a estrutura das Demonstrações Contábeis de Resultados, o lucro é analisado em vários conceitos, desdobrado nas seguintes categorias:

Lucro Bruto: diferença positiva de Receitas menos Custo;
Lucro Operacional: diferença positiva do lucro bruto e das despesas operacionais;
Ação de nosso estudo nessa análise. É realmente o valor que incidiu sobre a operacionalidade da empresa, ou seja, a empresa que comercializa alimentos, tudo que incidir sobre a movimentação dos alimentos e chegar ao resultado identificam propriamente o lucro operacional liquido.

Exemplo:

Receita.................................................... 100.000,00
Tributos sobre a receita............................... 1.000,00
Receita Liquida......................................... 99.000,00
CMV- Custo do produto vendido............. 10.000,00
Lucro Bruto Operacional.......................... 88.000,00
Despesas operacionais.............................. 10.000,00
Lucro Operacional Liquido....................... 78.000,00

Esse lucro é operacional liquido, porque tudo que envolveu para se chegar a lucratividade, foi em decorrência da operacionalidade da empresa.

Caso houvesse receitas ou gastos que envolveram valores devidos a finanças ou imobilizado, deveriam ser tirados esses valores, pois nesse caso não caracteriza operacionalidade da empresa e sim essa receita e gastos são considerados não operacionais.

Lucro não operacional: resultado positivo das receitas e despesas não operacionais, este lucro ocorre através de todas as movimentações de ações que não foram da operacionalidade da empresa, ou seja, comercialização do produto propriamente existente na ação econômica da empresa em questão.

Lucro Líquido: diferença positiva do lucro bruto menos o lucro operacional e o não operacional.

Lucro a ser distribuído: lucro líquido menos a quantia destinada a Reservas de Lucros ou compensada com os Prejuízos Acumulados.

A legislação tributária criou outras categorias de Lucro, a saber:

Lucro Real: Base de Cálculo do Imposto de Renda das pessoas jurídicas. (Contabilmente, seria o Lucro Líquido menos as adições e exclusões de despesas feitas para fins de apuração do tributo citado).

Lucro Inflacionário: parcela do Lucro Real, composta do saldo credor da correção monetária de balanços ajustado pelas variações monetárias e cambiais, e que podia ser diferido, ou seja, devido em exercícios futuros).

Lucro de Exploração: parte do Lucro Real formado pelas Receitas oriundas de incentivos fiscais do Imposto de Renda (isenção ou redução).

Lucro Presumido: outra base de cálculo do imposto de renda, basicamente sobre Receitas, e com escrituração simplificada no Livro Caixa.

Professor Dr. Wagner Luiz Marques

Próximos assuntos:
Custo de Produção
Custo Operacional
Contabilidade Criativa 
Endereços eletrônicos: wagnercne1@gmail.com; wlmcne@hotmail.com; Endereço por correspondência: Wagner Luiz Marques Rua Fernão Dias, 1994 Zona 01 CEP- 87.200-000 Cianorte – Paraná. Telefone: 44-3629-5578 - Celular: 44-9977-6604.

Nenhum comentário: